.: Polo da Moda – O melhor da moda no Ceará e no Brasil :.

Fornecedores

Rosset Têxtil

O Grupo Rosset começou a se formatar na década de 30 e hoje encabeça um parque industrial com 10 unidades de produção e várias empresas-células. Seu parque industrial, composto de 3.800 funcionários, é responsável hoje pela produção de 18 mil toneladas por ano de tecidos compostos de elastano com poliamida, elastano com algodão, rendas e uma linha completa de teares retilíneos e malharia circular. A partir do final da década de 60 e inicio da década de 70, o Grupo passou a direcionar parte de sua receita para aquisição de máquinas de última geração, também implantou as novas unidades de estamparia, tingimento e acabamento, abrigadas hoje numa área total de 180 mil metros quadrados.

Máquinas circulares de monogrontura e duplafrontura (com dispositivo de elastano)

Máquinas High Speed Tricot com 2, 3 e 4 barras (Kettenstuhl)

Máquinas Raschel para tecidos lisos

Máquinas Tricot Jacquard

As unidades de tecidos lisos, tricôs e urdimentos destinam a confecção de produtos elásticos, estampados, rendas, jérseis desenhados, circulares de meia malha e malha dupla, ao mercado de lingerie, moda praia e activewear. Ocupando uma parcela significativa no faturamento, a produção de tules e tramas supre as necessidades internas do Grupo Rosset e abastece clientes de renome na moda nacional.

A qualidade dos tecidos que carregam a etiqueta Rosset é adquirida através de rigoroso controle de qualidade. Um sofisticado equipamento de ar-condicionado, controla a eficiência da produção, assegurando padrões internacionais para todos os tecidos que produz. Além de realizar o acompanhamento estatístico de lotes, o controle de qualidade é interligado a uma central de computadores e inclui um mecanismo composto por células fotoelétricas, que permite a parada automática dos teares em caso de quebra de fio.

A variedade de produtos rendados da Rosset supre as necessidades dos exigentes criadores de moda, com a utilização de fios diferenciados nos contornos e enchimentos das rendas e a variedade de tules criados para suas bases. O resultado é visualmente conferido nas vitrines das melhores marcas do país, que montam suas peças com a delicadeza e a transparência das rendas Rosset.

A unidade de tinturaria e acabamento, rende um capitulo a parte: desde o controle sistemático que padroniza os métodos de avaliação, treinamento e utilização das melhores matérias-primas disponíveis no mercado mundial, á exigência de biodegradibilidade para não comprometer o futuro tratamento de efluentes líquidos, a empresa estende se selo de garantia na fase de tingimento. O laboratório realiza o controle analítico de insumos químicos e uma moderna planta oferece 50 máquinas com diferentes geometrias como overflow redondos, jets horizontais, over flows jets e beam dyeing (turbos).

O Grupo Rosset investe em pesquisas para certificar os parâmetros físico-químicos de 100% dos produtos. Os controles visuais e a contagem de defeitos são geridos por softwares e todo o maquinário é coligado a um sistema centralizado com capacidade de tingimento de 1500 toneladas/mês, com lotes variando de 20 a 900 quilos. O parque executa 1500 adições de auxiliares líquidos dos silos de diferentes produtos, sem qualquer interferência manual. A aplicação de corantes testados sob normas ecológicas, sofre constantes pesagens e oferece a quantidade exata aplicada em poliamidas, Lycra®, algodão, poliéster e suas devidas misturas.

A Salete, empresa acoplada ao Grupo Rosset desde 1976, detém uma grande parcela do mercado de estamparia para a moda praia produzida no país. Boa parte dos créditos nasce através de suas mesas de quadro totalmente automático e dos velozes cilindros de 8 cores, onde passam os desenhos elaborados por uma equipe sintonizada com as tendências internacionais. Com o domínio da tecnologia, a Salete migrou para os mercados de lingerie, moda e decoração. Equipamentos sofisticados voltados para o acabamento final selam a marca de qualidade e coloca a Salete com a mais respeitada estamparia da América Latina.

A Salete, mais uma vez, mostra-se líder na inovação tecnológica, lançando a Digital Salete com a maior capacidade instalada da América Latina. Com resultado comprovado, a estamparia digital já está nas passarelas dos mais importantes desfiles da moda brasileira.

Sem a necessidade de quadros ou cilindros, a estamparia digital elimina o custo da gravação. Não existem limitações mínimas de produção, o que permite estampar qualquer metragem; assim como também não há limitações em número de cores, efeitos e raportes.

A fidelidade do desenho original passado ao tecido é perfeita, e a velocidade de execução atinge a mesma rapidez do que a do computador para a impressora. Sem mais restrições técnicas o desafio é como explorar a liberdade criativa e os novos horizontes que a estamparia digital oferece.

O Grupo Rosset vem desenvolvendo uma série de normas pra administrar o uso de fontes naturais em seus parques industriais. Buscas novas alternativas para preservar os recursos hídricos, como o rigoroso tratamento de efluentes líquidos industriais e controlar a emissão de gases na atmosfera, são algumas das atitudes ambientais que colocam suas fábricas dentro dos padrões mundiais.

Para mais informações sobre a empresa, clique www.rosset.com.br

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Comentários Recentes
  • Cleide: As roupas são até boazinhas , Mas isso para o consumidor final. Porque para quem tem loja e revende a marca, é assim eles lançam 4 coleções no ano...vendem e para o logista. O logista compra e tem que fazer PROMESSA COLOCAR NAS ORAÇÕES PEDIR PARA TODOS OS SANTOS para a Turma da Malha poder entregar a mercadoria. Primeiro chega os boletos vc começa pagar, e depois vem as dores de cabeça....porque a mercadoria não chega na sua loja. Ai vc liga lá na Fabrica, Na empresa MISS TRM TURMA DA MALHA NO CEARA E COMEÇA A DESFEITA, COM SUA CARA. AS ATENDENTES RESPONSÁVEIS ALINE , CLEBIANA, QUE DEVERIA TRATAR O CLIENTE (LOGISTA) QUE COMPRA A COLEÇÃO E PAGA O SALÁRIO DELAS. ELAS TRATAM SUPER MAU , COM ARROGÂNCIA E SE VC RECLAMA PEDE PARA QUE JUSTIFIQUEM TANTO ATRASO NA ENTREGA, OU A FALTA DE PEÇAS QUE NÃO VEIO , ELAS SIMPLESMENTE DESLIGA O TELEFONE NA SUA CARA. AI VC LIGA NOVAMENTE PEDE PARA FALAR COM UM ALGUÉM SUPERIOR NA ESPERANÇA DE APENAS TER UM SOLUÇÃO. A RESPONSÁVEL PELAS DEPARTAMENTO DE VENDAS AO LOGISTA SRA. CLEBIANA TE TRATA IGUAL OU PIOR QUE A PRIMEIRA ATENDENTE. AS ROUPAS DA TURMA DA MALHA NÃO SÃO AS MELHORES ,MAS TAMBÉM NÃO SÃO AS PIORES. MAS A EMPRESA EM FORTALEZA ESTÁ COM OS PIORES FUNCIONÁRIOS. TODOS SEM PREPARO E SEM EDUCAÇÃO. SE CONTINUAR ASSIM ESSA EMPRESA VAI PELO MESMO CAMINHO DE OUTRAS QUE JÁ TIVERAM NO TOPO, E POR ESSES MOTIVOS FORAM PARA SARJETA. PARA QUEM PRETENDE UM DIA REVENDER TURMA DA MALHA, MUITO CUIDADO. PORQUE VC COMPRA A MERCADORIA DELES E ELES TE MANDA O QUE ELES BEM QUISER E QUANDO QUISER. E VC NÃO PODE RECLAMAR. VC COMPRA A COLEÇÃO VERÃO E RECEBE NO OUTONO/QUASE INVERNO. SEMPRE PAGUEI MINHAS CONTAS EM DIA, NÃO DEVO NADA PARA NENHUM FORNECEDOR. É POR ISSO MINHA INDIGNAÇÃO COM ESSA QUE É A PIOR EMPRESA NO RAMOS DE CONFECÇÃO.
    Ver Post
  • Dilma Costa da Silva: Sou revendedora de várias marcas de confcçoes, e minhas clientes sempre perguntam pela marca dimental, Gostarias que os senhores entrassem em contato comigo para melhores informaçoes. 92 81695532 e( 81695532 warisap). DILMA em 26/10/2013
    Ver Post
  • claudia Luna da Silva: Eu gostaria de revender essa marca pois ja sou vendedora de algumas marcas e me falta esse ,pois ja vi pessoas usando e gostei muito.Gostaria de saber onde encontrar.Se ja tem representante da marca em Manaus. Cláudia Luna
    Ver Post
  • liliane: eu adoro as roupas da rkides meus 3sobrinhos usa agora nasceu uma menina e eu gostaria de ver a coleçao para criança de 1ano
    Ver Post
  • ODACIR ZORZETTO: OLA TRABALHO NA AREA DE VENDA A MAIS DE DEZ ANOS GOSTARIA DE SABER SE VOCES JA TEM REPRESENTANTE NO ESTADO DO MATO GROSSO. ATT. ODACIR ZORZETTO
    Ver Post